Roberta Stella | Nutrição sem dieta

#13de15 Olhe para as suas necessidades

Deixe um comentário

Nos dias de hoje, vivemos conectados às redes sociais. Facebook, Instagram, Periscope, Snapchat, YouTube facilitam e propagam informações para milhares, muitas vezes, milhões de pessoas em questão de horas. Além de disseminarem rapidamente, ações como número de likes ou compartilhamentos mostram o quanto essas informações são relevantes. Se tem muitas “curtidas” e tem muita gente compartilhando é porque o que está sendo dito é verdade ou importante, certo? Huuummmm…

Quando se trata de saúde, alimentação saudável e emagrecimento, não há lugar onde os mitos se disseminam rapidamente através dessas curtidas e compartilhamentos que não seja nessas redes sociais.

Por isso, tenha muito cuidado com o que você lê por aí. Algumas dicas abaixo podem ajudar a identificar em qual informação confiar (ou não!).

  • Preste atenção se a matéria, vídeo ou foto rotula um tipo de refeição, alimento ou receita. Receita funcional ou fit, sem glúten ou sem lactose não significa necessariamente uma boa alimentação ou um bom alimento. Muita atenção com esse tipo de chamada!
  • Nova alimentação com alguma restrição e que promete uma melhoria na saúde ou no funcionamento do organismo. Exemplo: alimentação detox e suco verde. Acredite: não é deles que você precisa para ter boa saúde.
  • Cuidado com os modismos criados como, por exemplo, a alimentação sem glúten, sem lactose, o frango e a batata doce, a tapioca. Não copie a alimentação de alguém que você admira, mas tenha essa pessoa como inspiração de sucesso e trilhe o seu caminho, respeitando as suas preferências, o seu ritmo de vida, a região onde reside. Valorize os alimentos que tem disponível em sua região. Imagine: uma alimentação do sul do país tem suas particularidades, assim como a do norte.
  • Matérias que tenham como fonte da informação profissionais de saúde são mais confiáveis.
  • Se um conceito, palavra ou algum tema que vem sendo destaque nos últimos tempos é novo para você, busque outras matérias e várias opiniões. Se informar sobre um tema de alimentação é pesquisar e checar diversas fontes por mais confiável que uma seja.
  • Quando um tema de saúde é destaque, busque informações de profissionais a favor e, também, aqueles que possuem alguma restrição sobre o tema. Assim, o seu leque de ponto de vistas é maior e você passa a entender que existem diferentes orientações para diferentes pessoas e populações.

Informar-se sobre os alimentos e entender um pouco mais sobre Nutrição irá ajudar muito na construção de um novo hábito alimentar. Mas não se esqueça do principal elemento desse processo: você! Saiba identificar as suas preferências, os seus limites e objetivos. Olhando para você, saberá encontrar a alimentação que terá interesse e, portanto, irá cuidar para atingir as metas que você se propôs.

Você pode falar o que pensa, aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s